Os produtos de colágeno para pele, cabelo e unhas realmente valem o dinheiro gasto

Uma enorme agitação envolve bebidas e suplementos de colágeno, à medida que celebridades e influenciadores apregoam benefícios milagrosos para pele, cabelo e unhas. Uma vez que o colagénio no nosso corpo fornece um suporte crucial para estes tecidos, parece plausível que o consumo de colagénio possa levar a cabelos exuberantes e a um brilho jovem. Mas o que diz a ciência?

O que é colágeno?

O colágeno é uma proteína estrutural importante em nossos tecidos. É encontrado na pele, cabelos, unhas, tendões, cartilagens e ossos. O colágeno atua com outras substâncias, como ácido hialurônico e elastina, para manter a elasticidade, o volume e a umidade da pele. Também ajuda a formar proteínas como a queratina, que formam a pele, o cabelo e as unhas.

Nossos corpos produzem colágeno naturalmente usando aminoácidos de alimentos ricos em proteínas ou ricos em colágeno, como caldo de ossos, carne e peixe. Mas o envelhecimento, os danos causados pelo sol, o tabagismo e o consumo de álcool diminuem a produção de colágeno. As bebidas e suplementos de colágeno geralmente contêm colágeno de muitas fontes diferentes, como peixes, gado, porcos ou frango. Normalmente, eles contêm peptídeos, cadeias curtas de aminoácidos que ajudam a formar proteínas essenciais ao corpo, incluindo o próprio colágeno e a queratina.

O que a ciência diz sobre bebidas e suplementos de colágeno?

A pesquisa sobre a pele inclui:

Revisão e análise de 19 estudos, publicados no International Journal of Dermatology, que contaram com um total de 1.125 participantes. Aqueles que usaram suplementos de colágeno observaram uma melhora na firmeza, elasticidade e teor de umidade da pele, com as rugas parecendo menos perceptíveis. Isto parece promissor, mas não está claro se as melhorias na pele foram realmente causadas pelo colágeno. A maioria dos ensaios utilizou suplementos disponíveis comercialmente que continham mais do que colágeno: vitaminas, minerais, antioxidantes, coenzima Q10, ácido hialurônico e sulfato de condroitina estavam entre os ingredientes adicionais.

Alguns ensaios randomizados e controlados

(veja aqui e aqui) mostram que beber suplementos de colágeno com grandes quantidades dos peptídeos prolil-hidroxiprolina e hidroxiprolilglicina pode melhorar a umidade, elasticidade, rugas e aspereza da pele. Mas são necessários estudos grandes e de alta qualidade para saber se os produtos disponíveis comercialmente são úteis e seguros para uso a longo prazo. Quase nenhuma evidência apoia o uso de colágeno para melhorar cabelos e unhas. Um pequeno estudo de 2017 com 25 pessoas com unhas quebradiças descobriu que tomar 2,5 gramas de colágeno diariamente durante 24 semanas melhorou a fragilidade e o crescimento das unhas. No entanto, este pequeno estudo não teve nenhum grupo de controle que tomou placebo para comparar com o grupo que recebeu suplementos de colágeno.

Não houve nenhum estudo em humanos examinando os benefícios da suplementação de colágeno para o cabelo. Atualmente, nenhuma evidência médica apóia as alegações de marketing de que suplementos ou bebidas de colágeno possam melhorar o crescimento, o brilho, o volume e a espessura do cabelo.

Você deve experimentar suplementos ou bebidas de colágeno?

No momento, não há provas suficientes de que tomar pílulas de colágeno ou consumir bebidas de colágeno faça diferença na pele, no cabelo ou nas unhas. Nossos corpos não conseguem absorver o colágeno em sua forma completa. Para entrar na corrente sanguínea, ele deve ser decomposto em peptídeos para que possa ser absorvido pelo intestino.

Esses peptídeos podem ser decompostos em blocos de construção que produzem proteínas como a queratina, que ajudam a formar a pele, o cabelo e as unhas. Ou os peptídeos podem formar colágeno que é depositado em outras partes do corpo, como cartilagem, ossos, músculos ou tendões. Até agora, nenhum estudo em humanos provou claramente que o colágeno que você ingere por via oral acabará na pele, no cabelo ou nas unhas.

Se o seu objetivo é melhorar a textura e elasticidade da pele e minimizar

as rugas, é melhor focar na proteção solar e usar retinóides tópicos. Extensas pesquisas já demonstraram que essas medidas são eficazes. Se você optar por experimentar suplementos ou bebidas de colágeno, revise a lista de ingredientes e o perfil proteico. Evite suplementos com muitos aditivos ou enchimentos. Produtos que contêm grandes quantidades de prolil-hidroxiprolina e hidroxiprolilglicina são melhores na redução de rugas e na melhoria do teor de umidade da pele.

Consulte seu médico antes de iniciar qualquer novo suplemento. Pessoas com tendência à gota ou com outras condições médicas que exijam limitação de proteínas não devem usar suplementos ou bebidas de colágeno.

O resultado final

Não estão disponíveis ensaios em larga escala que avaliem os benefícios dos suplementos orais de colágeno para a saúde da pele e do cabelo. Se você está preocupado com cabelos ralos ou sem brilho, unhas quebradiças ou manter a pele macia e saudável, converse com seu médico ou dermatologista para obter conselhos sobre a variedade de opções.

Também ajudará a:

  • Siga um estilo de vida saudável e faça uma dieta balanceada que inclua alimentos ricos em proteínas.
  • Se você fuma, pare.
  • Limite o álcool a dois drinques ou menos por dia para homens ou um drinque ou menos por dia para mulheres.
  • Aplique protetor solar diariamente e lembre-se de reaplicar a cada duas horas.
  • Use chapéus e panos de abas largas ou com proteção UV quando você passa muito tempo ao sol.

About The Author

Leave a Comment

Scroll to Top